Esperando Karosfky

A minha irmã foi criada dentro de igreja. E dai ela nunca deixou de pensar como evangelica. E a gente falava sobre casamentos. E da epoca que eu quase me casei.

Dai ela disse que achava que eu era feliz. Eu disse que sim. Ela sorriu e disse que ninguém consegue ser feliz sendo somente aquilo que as outras pessoas esperam.

E que nem é isso que Deus quer. ” Deus nunca pos julgamento no amor. Por que ele morreu pra que amar fosse uma nova lei ” – ela disse.

Dai eu disse que eu também gostaria de ser como as pessoas queriam. E que não tinha chegado ainda o tempo de ser o que fato sou.

O tempo. Sempre ele.

Dai o Kurt não entende. Que não chegou ainda o tempo do Karofsky.   Que ele realmente quer atravessar o abismo. Mas que não confia nas proprias pernas pra fazer a travessia. E que ninguém pode carrega-lo até la.

Eu sempre fico arrepiado quando  o Karofsky consegue dar um passo. A gente sabe que ele é um meninão idiota. E que merecia um mundo que não lhe oferecesse uma prova de fogo por dia.  Mas essa é a droga do mundo que a gente tem pra viver.

E dai ele todo arrependido chorando. Pedindo pro Kurt espera-lo. E eu quase morri do coração de tristeza.

Se o Kurt não te esperar eu te espero Karofsky, seu lindo.

P.S: Reparem que as cenas mais UAU dele são sempre nos corredores. Corredores são caminhos. E dai a jornada dele ainda está a caminho. E nesses caminhos ele sempre esbarra com o tonto do Kurt. E o tonto do Kurt não saca isso. BLERGH.

Anúncios

7 comments on “Esperando Karosfky

  1. É complicado dar o 1º passo, ainda mais quando a criação que tivemos for no estilo da do Karofsky… Vc em que ser macho, tem que ser forte e tal.
    Também fui criada pra casar, na verdade quase casei, fui noiva mas sei lá, quando ele voltou de 3 meses na Itália, as coisas não eram mais as mesmas e terminamos, hoje vejo que foi a melhor coisa, porque tinha certeza que me casaria e não seria feliz, e certeza maior que já teria me separado.
    Mas segui meu coração, e hoje sou feliz demais, até porque realmente estou casada e agora com a “bênção” do STF.
    Mas dei meu 1º passo no meu tempo, sem pressa, foi na hora certa e não me arrependo de nada. Nem de ter sido noiva…

  2. Lindo texto. As vezes eu vejo as pessoas falando do Karofsky como se só existissem Blaines e Kurts no mundo, e que se assumir é a coisa mais fácil do planeta. Não é fácil, e nem todo mundo se assume assim que descobre. Muitas vezes é um processo longo, e doloroso.

    Acho que no fundo ele precisa mesmo de tempo. E segurança

  3. eu entendi do “tempo de cada um” há uns 6, 7 anos. antes me comportava como o Kurt. E todos (ou the most of us) se comportam assim. Querendo que o outro assuma porque não pode perder tempo, não se curvar à heteronormatividade e não deixar de se impor como é, como quem quer companhia em nossas diversas solidões cotidianas. E todos somos sós querendo companhias para sempre. Já me aconteceu de querer que um colega de trabalho se assumisse gay (pra mim pelo menos), só pra poder ter uma amigue pra tricotar. e o Kurt tá bem nessas. Não condeno o Kurt (e não o condene também), porque ele é real, não porque fui assim, mas porque há tantos outros Kurts por aí querendo abrir o armário dos outros. E Fazer isso não é legal, mas é uma grande lição. aprende quem sai que é melhor viver fora e quem abre aprende a respeitar os espaços, tempos dos outros.

  4. Olá! Primeira vez aqui xD

    Amo Glee *-* Verei esse episódio hoje!

    Parece que o Kurt esquece como foi difícil para ele mesmo se assumir como gay – quem não lembra que ele até entrou para o time de futebol só para fingir que era macho pro pai?
    Devemos respeitar o tempo do outro, mas isso não justifica o que o Karofsky fez com o Kurt também.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s