A Criança

Fiquei sem saber o que pensar mesmo.

Eu sigo muita gente legal no twitter. Gente seriíssima que cobra cidadania nas ruas e ambulância nos postos de saúde. Gente que organiza marchas e escreve livros de antropologia. Mas eu também sigo gente que comenta o vale a pena ver de novo e jogo do xv de piracicaba.

Dai eu também sigo pessoas que são engraçadas. Não amiga, pc siqueira e rafinha bastos não são engraçados. Você entendeu errado isso ai.

Uma das pessoas mais engraçadas que eu sigo e um menino descoladíssimo e animado. Desses super batalhadores que trabalham durante o dia e estudam a noite. E o legal desse menino e que ele não precisa fazer piadas machistas, sexistas ou racistas pra ser engraçado. Ele vive mudando de avatar e de bio. E eu sempre morro de rir porque são sempre coisas auto depreciativas. E eu AMO humor auto depreciativo.

E dai hoje ele colocou uma foto de uma criança no avatar. E eu ia mandar uma DM falando que tinha achado de mal gosto. Por que é uma criança com sindrome de down. Dai eu lembrei que ele tinha uma outro foto de criança no avatar. E eu não tinha achado nada de errado com a foto. Era uma criança negra.

Por que eu me incomodei com a foto da criança com o down e não com a foto da criança negra ?

Deixa eu explicar. Nos dois casos a intenção e uma só. Um avatar zuado.

Qual é a diferença que existe entre sacanear uma criança por ser negra e uma outra por ter uma doença ? Porque eu me incomodei SOMENTE com o down.

Veja bem. Eu não estou comparando uma coisa com a outra. Que isso fique claro. Também não estou julgando a intenção do menino se era certa ou errada. De bom gosto ou não.

Eu estou sem saber o porque do meu desconforto em APENAS um dos casos.

Eu não me considero uma pessoa racista. Tampouco me vejo sendo conivente com o racismo.

Só estou intrigado mesmo.

Porque eu REALMENTE me incomodei com a menina do down. Mas morri de rir quando ele colocou a menina negra.

Anúncios

One comment on “A Criança

  1. Outro dia, não lembro aonde, li que essa geração é a de julgadores. Que isso está dentro da gente e que julgamos porque nos incomodamos, mas isso de forma mais ampla que antes por conta da internet. E nos incomodamos por nos incomodar, sem ter motivo ou porque classificamos, intimamente, ‘o que pode ou não’ ser zoado.

    Sei lá, acho que deve ser por aí..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s