Dia 7 – Comédia-tonta-que-não-prejudica-os-neurônios

 

                                                                                                                                      

Comedia é um negocio sério. E as comedias tontas e um negocio SERISSIMO.

Porque existe um trabalho de mouro de um diretor rigoroso, inteligente, sagaz e estrategista [ vamos colocar no português claro ===> um general ] por trás das boas comedias tontas.

A janete Clair dos filmes de comedia foi o alemão Ernst Lubitsch que na decada de vinte fazia comedias sofisticadas, elegantissimas e engraçadas que lotavam os cinemas. Dai veio o som e ele meio que perdeu a mão do negocio.

Como hollywood é hollywood quem ocupou o lugar de lubitsch não foi a Gloria Perez como aconteceu na Globo e sim o polones Billy Wilder.

Billy Wilder era bem mais POVÃO por assim dizer que o rico e aristocratico Ernst Lubitsch.

Mas não se deixe enganar. Wilder entedia melhor o que se passava na cabeça do homem comum. Isso não o impedia de ser 3 vezes mais caustico e mordaz que o antigo mestre.

E Wilder desfilava por vários temas e generos com a mesma desenvoltura e facilidade.

Farrapo Humano de 1945 só encontrou em Requiem para um sonho de 2000 [ isso mesmo 55 anos ] um filme que pudesse se igualar no retrato preciso da devastação que o uso de drogas [ alcool em farrapo Todas as outras em requiem ] provoca no homem.

Crepusculo dos Deuses de 1950 até hoje reina sozinho como o mais completo e arrasador retrato das visceras de hollywood já feito. A montanha dos Sete Abutres já em 1951 mostrava o sensacionalismo, a irresponsabilidade e a inconsequencia do jornalismo que se faz no brasil de hoje. Veja, o cara era profeta tambem.

Dai a gente pula pra 1959 e pro filme que até hoje detem com larga vantagem o titulo de melhor comedia já feita. Quanto mais Quente Mellhor.

Não é o só o fato de ter marylin monroe mais esplendorosa que nunca. Nem o fato de ter em cena um dos maiores atores já vistos em hollywood em um momento inspiradissimo de sua carreira, jack lemon. Nem o fato do filme ter feito o gala tony curtis pagar mico vestido de mulher.

O que torna esse filme inenarravel é ter tido a audacia de fazer essa cena. Essa única cena. Que até hoje não foi superada. Provalmente nunca será.

Anúncios

4 comments on “Dia 7 – Comédia-tonta-que-não-prejudica-os-neurônios

  1. JISUIS! Comédia-tonta…TONTA! Vocês são muito desobedientes (fala a pessoa que nunquinha mijou fora do penico num meme, como pode comprovar a Tina, rs).

    Eu amo B. Wilder (no meu post menciono exatamente ele e precisamente esse filme, embora Se meu apartamento falasse também seja brilhante). É o diretor que nunca exagera, que sempre prima pela densidade de uma cena sem perder a leveza, que faz o simples com muita elegância.

  2. Seu pedante lindo, hahahaha, o post tá perfeito, o filme é demais, tá certíssimo – e a comédia é tonta sim, ora, precisamos fazer um debate sobre esse conceito 😉 Como eu te disse, minha mãe tinha me falado pra usar esse filme, mas eu, desgraçadamente, nunca o vi inteiro – assisti-o aos pedaços, uma vez o começo, outra, o fim, que vexame. Bjk!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s