Domésticas, O filme.

os-atores-brandao-filho-e-betty-faria-em-cena-do-filme-o-romance-da-empregada-1988-1336494478882_956x500

Em uma seleção pra uma vaga em uma loja de departamentos de um shopping center a recrutadora faz perguntas aos participantes da sala. Ao perceber que a maioria diz morar só; espantada 

pergunta: cadê as famílias de vocês ? 

 A indagação dela na verdade era outra: como vocês vão pagar todas as contas de morar sozinhos com o baixo salario que a vaga oferece ?

Corta pra PEC das empregadas. 

Mesmo recebendo os direitos dos demais trabalhadores as empregadas domesticas estão no mesmo patamar dos trabalhos do comercio que recebem em media o piso salarial de R$ 740,00.

Ou Seja. Um salario insuficiente pra prover as necessidades básicas de uma única pessoa que dirá de uma família com 4-5 pessoas. 

Por mais que Danuza Leão e aquela sua tia rica reclamem do absurdo que esta pagar uma domestica hoje, esse salario é insuficiente pra pagar um aluguel [ casa própria ainda é um sonho] energia [ mesmo com Dilma baixando a conta isso ainda custa dinheiro] água [ ela cai do céu mas também é cobrada] gás [ só minha avó que morreu em 2008 ainda cozinhava no fogão á lenha ]  transporte [ duas, três  quatro conduções ]  alimentação [ um quilo de tomate ta custando SETE REAIS ] vestuário [ um tênis barato custa em media R$ 80,00]  lazer [ juro por Deus, pobre também precisa de lazer eu não to inventando ].

Posto isso tenho ouvido muitas reclamações sobre como assim vamos pagar uma empregada domestica sendo que um engenheiro em inicio de carreira ganha tanto e não tem condições de pagar uma empregada domestica nestes termos. 

Se um engenheiro não tem o seu trabalho devidamente valorizado não e pagando menos a empregada que ele vai se valorizar.

E perá lá, só porque o cara é medico, engenheiro ou funcionário da Petrobras ele TEM QUE TER UMA EMPREGADA ?  

e me desculpa mas boa parte das distorções sociais que existe nesse pais vem dai: fulano que trabalha num posto de gasolina tem que ganhar x vezes menos que o contador que tem que ganhar y vezes menos que o engenheiro que tem que ganhar W vezes menos que o medico e assim por diante.

 

Trabalho é trabalho. 

 

 

eu não to dizendo que não deve existir médicos  engenheiros, professores e que eles devem ganhar menos por suas profissões especializadas. A questão não e essa.

 

 

A questão e que boa parte da classe media e elites do brasil manteve e mantem o status quo de suas posições EXPLORANDO  a mão de obra das classes menos abastadas. 

 

A gente vive louvando o primeiro mundo e que la sim e um lugar bom de viver mas convenientemente nos esquecemos que lá todo mundo vive relativamente bem porque as diferenças salariais não são tão absurdas como no brasil. 

 

 

Faça um esforço pra pensar no lado contrario: quem limpa a casa, lava a roupa e cuida dos filhos das pessoas que estão lavando nossas casas, cuidando de nossos filhos ? Porque eles também tem famílias  tem  sonhos, tem dignidade. Enfim. também são pessoas com as mesmas aspirações, capacidades e potencial pra se desenvolver que cada um nós. 

 

 

Agora que as empregadas vão ter os mesmos direitos que todos os outros trabalhadores e quem tinha empregada antes não vai poder ter mais o mercado de trabalho vai ter que se adaptar a essa nova realidade.

 

 

Se não é mais possível pra um engenheiro ter alguém que cuide de seus filhos enquanto ele trabalho o MERCADO  vai ter que se virar pra dar condições pra esse engenheiro ter tempo dele próprio lavar suas cuecas e dar mamadeira pro seu filho.


então os horários de trabalhos terão que ser mudados, as creches terão que ter tempo integral, as escolas terão que funcionar o dia inteiro.

 

a SOCIEDADE ganha com isso. 

 É natural que haja chiadeira e alguns setores mais mais conservadores se sintam agredidos e incomodados ao se verem perdendo um direito praticamente divino de ter alguém pra limpar suas casas.

Nenhuma das conquistas trabalhistas que temos foram adquiridas por bondade e boa vontade dos patroes. Todas as conquistas trabalhistas envolveram greves, rebeliões, caras feias, ameaças e ranger de dentes.

Se não fosse assim os negros estariam ate hoje nas senzalas. PIOR. Estariam pagando aos patroes pra trabalhar e levar chicotadas. 

Anúncios

2 comments on “Domésticas, O filme.

  1. Você tem toda razão. O pior trabalho, aquele que não acaba nunca e que ninguém quer fazer, é, paradoxalmente, o menos valorizado. As dendecas e patricinhas sentem saudades do tempo da escravatura, o qual, se dependesse delas, não teria terminado. Estou pagando pra ver essas que reclamam pegarem num pano de chão, limparem a privada, se engordurarem todas na beirada do fogão, suarem no calor do ferro. Ora! Vão se ferrar!… E que não reclamem perto de mim porque senão vão ouvir poucas e boas. No fundo, sem perceber, elas apenas repassam a opressão do machismo, contra o qual nunca moveram sequer uma palha! Ora! Vão se ferrar dez vezes!…

  2. A coisa está de tal modo arraigada no imaginário coletivo brasileiro que acontece essa capa da Veja, onde toda a estranheza reside no fato de um homem branco de gravata estar… lavando louça! No mais, ótimo o seu texto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s